Tiroteio deixa mortos e feridos durante votação na Venezuela

Pelo menos duas pessoas morreram e quatro ficaram feridas neste domingo (14) durante a votação do plebiscito informal organizado pela oposição contra a Assembleia Constituinte convocada pelo presidente Nicolás Maduro.

 O conflito aconteceu entre paramilitares governistas e pessoas que participavam de um evento da oposição em Catia, no subúrbio de Caracas. O chefe da campanha que organizou o plebiscito, Carlos Ocariz, afirma que grupos pró-governo dispararam tiros e bombas de gás lacrimogêneo no local do evento.Segundo o “G1”, uma das vítimas fatais é a enfermeira Xiomara Scott, de 61 anos. Pelo Twitter, a deputada oposicionista Marialbert Barrios responsabilizou Maduro pelo incidente. “Ele é o único responsável por esta barbárie. Nunca mais poderão zombar de Catia. Esse povo decidiu mudar”, escreveu.

Veja um vídeo da confusão:

Así fue el ataque de paramiltares Chavistas contra la gente que participaba en la Consulta Nacional en la Av. Sucre de Catia. 

Você também pode gostar disso...

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *